Natal e tal

dezembro 26, 2008

Pra mim o marco do fim do ano é o Natal. É nessa hora que eu paro pra pensar sobre o ano, tento planejar o próximo e consigo sentir-me plenamente confortável — família reunida tem um efeito terapêutico sobre mim. Esse ano não foi diferente — com o plus de milhares de dicas, recomendações e presentes próprios para a neve. Adorei, obrigada!

(Ó, que acalentador, como diria o Brouks…)

Esses momentos sempre me deixam meio nostálgica, sorry.

Para a viagem? Quase tudo pronto e devidamente empacotado! Só faltam alguns detalhes. Coisinha… Yay!

Ainda bem que o embarque já é segunda, porque a minha caixa de entrada vazia, sem os 85 e-mails por dia, já está me deixando com uma sensação de vazio interior quase irreparável! Ainda mais sabendo que o povo está todo debandando pra praia — aliás, caravana da alegria do Maurão que foi idéia MINHA, antes de saber que eu estaria em Parrí (ui) no ano novo! Aproveitem por mim, geeeente!

Ah: e para todos, Feliz Ano Novo!

Que 2009 seja 475 vezes melhor que todos os anos anteriores! Que nesse ano a gente tenha mais paz, mais saúde,  mais amor, mais amizade, mais carinho, mais fé, mais harmonia, mais energia, mais sucesso, mais alegria, mais tempo… Como disse a Ana, que a gente nos ajude a crescer!

E lembrem-se das 3 regras da vida, que o pai da Ana (a doutora, não eu) ensinou pra ela, e eu achei perfeitas:

– Don’t judge

– Don’t expect

– Enjoy the differences

Luv yall.

;)

Locations of visitors to this page